sexta-feira, dezembro 21, 2007

Manuel Delgado


A notícia chegou hoje de manhã. Fria como o dia, cinzenta como o céu: morreu o Manuel Delgado.


Jornalista cabo-verdiano, com um talento notável para a escrita, o Manuel Delgado tinha, para além disso, uma capacidade de análise política ímpar, o que fazia dele um elemento importante na sociedade cabo-verdiana, tendo, ao longo dos anos, desempenhado o papel de conselheiro político do PAICV.


Conheci o Manuel Delgado em Cabo Verde, quando lá estive como correspondente da ANOP. Não era um homem fácil.


Mais tarde, quando fundei o jornal "África", o Manuel Delgado veio trabalhar comigo e a sua colaboração revelou-se importante, também pelos contactos que tinha.


Com o fim do "África" acabou por ir trabalhar para o Expresso, onde não foi devidamente aproveitado, acabando por regressar a Cabo Verde onde fundou um jornal na Net, em que, mais um vez, demonstrava todos os seus talentos.


A fotografia que ilustra este texto foi obtida durante um encontro que ele teve com o então Primeiro Ministro de São Tomé e Príncipe, Celestino Costa.
Para os seus filhos e para a Clara, que tendo deixado de ser sua mulher não deixou de ser sua amiga, um abraço forte.

1 comentário:

Templo do Giraldo disse...

http://templodogiraldo.blogspot.com/

passem por aqui e comentem. saudações